8 de nov de 2015

Colocar a coleira em um cão com medo


Quero mostrar para vocês um trecho de uma sessão com o Pepe onde o tutor começa a ensinar o cão a permitir que seja colocada a coleira. Vale destacar que se trata de um cão bem receoso ao toque, que por medo\insegurança demonstrava agressividade se forçado a fazer algo que não se sentisse à vontade.
Como se trata de um mestiço de Pit Bull e de tamanho considerável, medir força com ele não seria a melhor opção. Além disso, quando procurada pelos tutores, o objetivo era iniciar um treinamento sem utilização de força, medo ou dor (o que chamamos de uso de aversivos). 
Observem o quanto sou empolgada na hora de elogiar o cão pelo acerto. Dois são o motivo para tamanha exaltação:
  1. Ensinar o tutor sobre a importância de demostrar entusiamo para o cão.
  2. Recompensar o cão e ajuda-lo a ganhar confiança.
Uma informação importante sobre este caso é que levamos 5 sessões para conseguir fazer com que o cão saísse do carro e entra-se na minha escola. 

por Emmanuelle Moraes



Postar um comentário